Infesta no Minas Trend – Inverno/2018

O Minas Trend aconteceu durante os dias 29 de outubro a 01 de novembro e a Infesta esteve presente em Belo Horizonte para conferir as novidades da semana de moda mineira que estava a todo vapor! Nossa assessoria em moda que acompanha todos os desfiles, destaca os pontos altos do segundo dia.

O desfile da Patricia Motta apresentou uma moda muito original e feminina. A cara da mulher brasileira. A qualidade e o acabamento impecável se aliam às técnicas de alto padrão para o desenvolvimento da matéria DNA de sua marca: o couro.  Foi possível ver referências gritantes como o dip dye em calças, vestidos e saias, como também o uso de zíperes, recortes e nervuras. A cartela de cores está muito sofisticada com verde, azul, preto e off white. De acordo com nossa assessoria, o dip dye ou pintura em degradê trouxe sofisticação e requinte às peças.

    

Dentro do tema loungewear de luxo, Chris Gontijo apresentou uma coleção muito madura, bonita e sexy.  Com estampas maravilhosas, muito divertido de ver. O mais bacana foi que ela fez essa linha que estende para o lifestyle, apresentando camisolas de veludo com uma pegada mais chic que usaria perfeitamente em um coquetel, sem falar das calças acetinadas e dos espatilhos que já entraram para wishlist de qualquer fashionista.

Já no desfile da Denise Valadares, marca que apresenta conceito, modelagens diferenciadas e muito brilho, destacamos o tema western com peças em renda, tule, gazar, jeans e veludo. O ponto alto do desfile foi os bordados, seja nas franjas das camisas ou nos arabescos das jaquetas ou até mesmo nas flores coloridas do vestido jeans. “Desfile  muito conceitual e impactante e, acima de tudo, extremamente usável.”

Por fim o desfile de Letícia Manzan, por ser o desfile mais aguardado não superou nossas expectativas. Com o tema “Jardim Des Tuileries”, inspirada no primeiro jardim público,em Paris. A estilista colocou 3 momentos na passarela: família dos neons, das plumas e bordados e no final e mais assertiva dos metalizados, prata e dourado com tecidos diferenciados (estruturado e brilhoso, parecia uma espécie de glitter).

Fotos: Allec Gomes

Texto: Suymara Barreto

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *